A reunião entre o governador Carlos Moisés e lideranças do agronegócio, na tarde de ontem, quinta-feira (22/08), resultou em acordo que mantém a isenção de ICMS para defensivos agrícolas até o final do ano. Depois, será adotada alíquota gradativa de acordo com a periculosidade de cada defensivo.

Participaram do encontro os presidentes da Federação da Agricultura e Pecuária, José Zeferino Pedrozo; da Organização das Cooperativas do Estado (Ocesc), Luiz V. Suzin; Federação das Cooperativas do Estado (Fecoagro) Cláudio Post; Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetaes), José Dresch.

Do governo, participaram os secretários da Fazenda, Paulo Eli, Agricultura, Ricardo Gouvêa,  Comunicação, Ricardo Dias e o chefe da Casa Civil, Douglas Borba.

Fonte: Editorial ITC Consultoria., com informações da NSC Total.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *